Membros da OTW – Consultem o Vosso Email para Instruções de Voto

Por esta altura, todos os membros da OTW (Organização para Obras Transformativas) elegíveis para votar devem ter recebido um email com um link para as instruções de voto para o ano de 2021. O assunto era “Voting Instructions for Organization for Transformative Works (OTW) Board Election” (Instruções de Voto para a Eleição da Direção da Organização para Obras Transformativas (OTW)). Por favor nota que qualquer pessoa que não tenha recebido este email não está nas listagens de votantes este ano e não irá receber um boletim de voto.

O email com as instruções de voto contém um link para uma versão de teste do boletim de voto. Por favor, segue esse link para garantir que a página carrega corretamente e que as pessoas candidatas são visíveis. Se não for esse o caso, por favor certifica-te de que não estás a bloquear JavaScript de ajax.googleapis.com, bootstrapcdn.com e/ou opavote.com. Leia Mais

Divulgação das Candidaturas para as Eleições da OTW de 2021

Divulgação das Candidaturas

A OTW (Organização para Obras Transformativas) orgulha-se de anunciar as seguintes candidaturas para as Eleições de 2021 (por ordem alfabética do primeiro nome):

  • Antonius Melisse
  • E. Anna Szegedi
  • Kari Dayton
  • Laure Dauban

Como temos 2 posições por preencher e 4 pessoas candidatas, as eleições de 2021 serão disputadas — isto é, os membros da OTW irão votar em quem irá ocupar essas posições. Leia Mais

Biografia e Programa Eleitoral do Antonius Melisse

Biografia

O Antonius Melisse é originário dos Países Baixos e acredita veementemente que nunca devemos deixar de aprender coisas novas. Ele obteve certificações, tanto na universidade como noutras instituições, em Língua e Literatura Inglesa, Jornalismo, dois métodos de teste de software (ISTQB e TMAP Next) e desenvolvimento em PHP. De momento, ele trabalha como programador de back-end em Symfony.

Em termos de experiência prévia em gestão, ele foi membro da direção de um grupo de teatro musical, do qual ele fazia parte (como baixo) e teve um trabalho em que ficou a cargo de estudantes que estavam à procura de emprego para o verão.

Ele ficou a conhecer a fandom através de pessoas amigas de longa data que conheceu enquanto jogava World of Warcraft. Eles escreveram fics e histórias originais em conjunto nos fóruns da sua guilda. Quando uma dessas pessoas mencionou que havia algum tempo que traduzia para a OTW (Organização para Obras Transformativas) e que havia uma vaga na equipa neerlandesa, ele aproveitou a oportunidade e, assim, tem feito parte do comité de Tradução desde fevereiro de 2016. Desde então, também já foi voluntário no comité de Políticas e Abuso.

Atualmente, de vez em quando, ele dedica-se a podfics, tipicamente de The Witcher, mas aprecia a maioria das fandoms de fantasia e ficção científica. Leia Mais

Biografia e Programa Eleitoral da E. Anna Szegedi

Biografia

A E. Anna Szegedi descobriu a fandom anos antes de saber sequer o que a palavra significava. Ela escreveu a sua primeira fanfic (para Heroes of Might and Magic III) a lápis em papel de impressão aos oito anos. A sua primeira aventura na fandom online foi através de um pequeno fórum dedicado à trilogia Bartimaeus, de Jonathan Stroud, e foi também aí que publicou a sua primeira fanfic com vários capítulos. A descoberta de fóruns e sites de fãs em inglês motivou-a a aprender a língua e ler (e escrever) fanfics em inglês alimentou o seu amor por línguas.

Ela juntou-se à OTW (Organização para Obras Transformativas) como membro do comité de Tradução em 2017. Enquanto utilizadora ávida do Archive Of Our Own – AO3 (O Nosso Próprio Arquivo), a Anna estava entusiasmada com a possibilidade de ajudar a tornar os projetos da OTW mais acessíveis a pessoas que não falam inglês. Mais tarde, assumiu a responsabilidade de ajudar a gerir as pessoas voluntárias do comité de Tradução e a treinar e apoiá-las nas suas tarefas.

A Anna é licenciada em Inglês e Filologia Americana e tem um Mestrado em Tradução e Interpretação. Ela trabalha no departamento administrativo de uma universidade e é responsável pelas admissões e pelo apoio diário a estudantes internacionais. Leia Mais

Biografia e Programa Eleitoral da Kari Dayton

Biografia

A Kari Dayton (ela/dela) era bastante nova quando se deparou com fandom pela primeira vez, através de Sailor Moon, mas foram precisos vários anos até descobrir fanfiction na fandom de Harry Potter. (Ela acredita firmemente nos direitos das pessoas transexuais e adora o trabalho que foi feito para distanciar a fantástica fandom de Harry Potter dos comentários odiosos da sua criadora.) Embora tenha muitas ideias para enredos na sua cabeça, ela não tem escrito muita fanfiction e prefere trabalhar nos bastidores como organizadora de tags, tendo começado em 2018. Kari é uma supervisora ativa de Organização de Tags (desde 2019) e gosta de ajudar com trabalho administrativo e de arranjar novas ideias para tornar a vida das pessoas organizadoras mais fácil.

Durante o dia, ela trabalha na área tecnológica para uma empresa de VoIP e é a formadora interna principal e líder técnica do seu departamento. O seu emprego inclui escrever e atualizar documentação, ser um recurso para colegas do seu departamento e departamentos associados, responder a questões (por chat e email) e treinar novas contratações. Ela é conhecida na sua empresa por ajudar departamentos a cooperar, facilitar a comunicação entre departamentos, ser a pessoa que sabe coisas e, em geral, acredita que a compartimentalização da informação prejudica todas as pessoas. Ela teria prazer em treinar-te para qualquer tarefa que queiras aprender – apenas precisas de perguntar! Leia Mais

Biografia e Programa Eleitoral da Laure Dauban

Biografia

Laure Dauban já trabalhou em muitas áreas diferentes desde que terminou os seus estudos em tradução, incluindo em edição e videojogos, bem como uma breve passagem pela indústria da moda, pela imprensa e pela área de apoio técnico. Isto acabou por não ser variedade suficiente para ela, pelo que agora voltou aos estudos para se tornar web developer em França.

A Laure não se lembra de quando exatamente descobriu fanfiction, mas a sua conta do Archive of Our Own – AO3 (O Nosso Próprio Arquivo) diz que foi criada em 2013. Ela lê em qualquer fandom que tenha fluff, angst e romance suficientes, de preferência em simultâneo.

Ela juntou-se à OTW (Organização para Obras Transformativas) em maio de 2019 como tradutora na equipa de francês, tendo sido recrutada, 6 meses depois, como gerente de pessoas voluntárias do Comité de Tradução. Isto encorajou-a não só a interagir mais como os outros comités, mas também a começar, finalmente, a escrever as suas próprias fics. Leia Mais